para acabar com as reclamações dos pais

janeiro 23, 2008 at 10:45 pm 4 comentários

Ultimamente, com o reforço do contato com alguns amigos, que outrora erma apenas virutais, tive acesso à “seita secreta” do Pump It Up da praça de jogos de um shopping próximo (em localês: acesso à pump da game station do manaíra shoppping). Uma maquina que nunca tive coragem de enfrentar, com medo da censura e chacota que poderia me ocorrer ao mostrar minha falta de costume e habilidade (minha “noobice”) perante os jogadores que sempre estão snetados em volta da maquina, adorando-a como se fosse um altar místico.

Descobri, com esses contatos reavivados, comecei a dar meus primeiros passos como “stepper” no jogo, com algumas vitorias interessantes logo no primeiro dia; e assim descobri que, além do grupinho dos jogadores não ser tão hostil com os novatos (alguns até ajudam), Pump It Up é um interessante exercício aeróbico disfarçado em um game com música vibrante, gráficos diversos e atrativos e uma gama de modos de jogar aos quais você pode se adaptar.

Na verdade, eu não era “virgem” nos jogos de dança (se fosse, não conseguiria ter domado minha leve fobia de público, que no Pump é causada por todos estarem olhando em sua direção, tentando focar a tela, e não em você; mas vá dizer isso a vocÊ mesmo quando você estiver errando feio em uma sequencia enorme de flechas) pois jogo à quase um ano o “rival” do Pump It Up, o Dance Dance Revolution, jogo do console Playstation 2, no qual se pluga um tapete que faz as vezes de tablado de dança.

Bem, o que tenho tentado dizer neste post é que, para aqueles que se recusam a sair do videogame para fazer exercicios como os pais adoram encher o saco quando se está jogando confortavelmente, há uma alternativa para não deixar de jogar um bom game, e deixar sua mama feliz: é só botar o DDR ou passar o cartão no Pump do shopping mais próximo e se divertir.

Entry filed under: Dance Dance Revolution, Estilo de vida, Games, Pump It Up, random. Tags: .

Hoje é dia de rodízio na Pizzaria Planato Central (alguns poucos) sobre medos

4 Comentários Add your own

  • 1. johnny  |  janeiro 24, 2008 às 12:56 pm

    Na boa, deve haver uma lingua chamada “joguês” porque eu não entendi quase nada do que vc escreveu.

    Responder
  • 2. Jarbas Silva  |  janeiro 24, 2008 às 1:00 pm

    Eu sempre olhei pra essas máquinas nos shoppings e sempre tive uma certa curiosidade em subir lá e arriscar uns “passinhos” rs

    Mas… Sabe como é, a exposição e tudo mais… Creio que eu tenho a mesma fobia que você.

    Mas você tem razão, é um bom exercício MESMO. Aos que não gostam da exposição, podem tentar comprar aquele tapete para pc ou psx (e tem também versão pra ligar direto na tv) que custa uns 80 reais pra jogar no conforto de suas casas. Deve até ser um jogo legal pra festas – não garanto nada a quem for jogar bêbado! rs

    O sedentarismo no videogame está acabando… Temos o DDR, tem também o Prop Cycle ou algo assim, que é um fliperama onde você controla um cara numa bicicleta voadora e precisa pedalar de verdade pra fazê-la se movimentar, e tem, por fim, o Wii.

    Surgirá uma nova casta de nerds em breve: os bomba-nerds, sujeitos cheios de gel no cabelo, óculos fundo de garrafa, geeks e…. Bombados! Será o fim do mundo! hehehe

    Responder
  • 3. Dudalak  |  janeiro 24, 2008 às 7:38 pm

    Eu não sou doida de entrar nesse joguinho não, precisa de mó fôlego, e fôlego é algo que não tenho
    Um dia eu estava no shopping com os meus amigos e tava mó galerão ao redor desse joguinho só vendo dois caras lá dançando, eles já estavam numa velocidade super rápida e geral tava impressionado, tinha um gordão mesmo, mas que estava arrasando, ele e o amigo dele já estavam suados á ponto de desmaiar, isso que é o ruim do jogo.
    Você começa e na manha de vencer continua continua até se detonar
    Aff… Eu não sou doidaa
    Muito maneiroo seu blog, adorei

    Responder
  • 4. Carla Zague  |  março 19, 2008 às 9:27 pm

    aaaah Adoroooo o Pump!
    se bem que agora nem estou tendo tanto tempo
    assim pra poder ir ao shopping no Planet Park
    dançar, mas teve um menino e uma menina da capital
    que foram competir no Japão..

    ;D

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Blog Stats

  • 764 hits

%d blogueiros gostam disto: